BEM VINDO

Todos os textos aqui publicados são escritos por mim, baseados em meus trabalhos acadêmicos da vida universitária construida na UNIFESP, no qual eu acho interessante e gostaria de compartilhar.

sexta-feira, 26 de março de 2010

O serviço social e o movimento histórico da sociedade brasileira



A autora Maria Carmelita Yazbek é professora de pós graduação em Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, membro do Conselho Científico e Acadêmico da Faculdade de Serviço Social, pesquisadora, representou a área de Serviço Social na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior É Consultora da Fundação das Universidades Portuguesas, na qualidade de Avaliador Externo do Ensino de Serviço Social em Portugal. Consultora do Curso de Serviço Social do Instituto Superior João Paulo II em Luanda, Angola. Coordena atualmente a equipe da PUCSP em um Programa de Cooperação Acadêmica envolvendo a Universidade Federal do Maranhão; a PUC-SP e a PUC- RS. - Pesquisa sobre Programas de Transferência de Renda no Brasil e sobre a implantação do SUAS no país. Tem experiência na área de Serviço Social, atuando principalmente nos seguintes temas: serviço social, política social, assistência social e pobreza.

O texto “ O serviço social e o movimento histórico da sociedade brasileira ” tem como objetivo desenvolver algumas reflexões sobre a atuação do assistente social, à partir da compreensão de que o fundamento das profissões é a realidade social; e conta um pouco a historia e parâmetros do serviço social como profissão na sociedade brasileira e no mundo. Para tal, a autora se utiliza de diversos dados informativos desde a historia do serviço social até a sua implementação e execução como profissão, na disposição textual de capítulos, títulos e parágrafos específicos para cada abordagem, facilitando assim, o acesso do leitor a tanta informação: o processo de institucionalização e legitimação da profissão no Brasil, o serviço social brasileiro no cenário mais recente, o processo ético-político do serviço social brasileiro, e as particularidades do exercício profissional do assistente social; que são informações de extrema relevância para os iniciantes da área.

Dentre os ensinamentos que puderam ser absorvidos por mim do texto, acho de suma relevância os esclarecimentos sobre a base do serviço social, onde ficou claro que o serviço social como profissão na sociedade brasileira é resultante de relações históricas, sociais, políticas e econômicas que moldam sua necessidade social e definem os seus usuários; e o Assistente social atua nos processos relacionados à reprodução social da vida, interferindo em situações sociais que afetam as condições concretas em que vive a população em geral e, sobretudo, objetivando melhorar essas condições sob múltiplos aspectos.
O texto faz menção ainda, sobre o CRESS e como ele surgiu; Conselho Regional de Serviço Social que funciona como uma entidade de direito público, criado quando a profissão de Assistente Social foi regulamentada; é uma exigência constitucional para todas as atividades profissionais regulamentadas por lei. Sua função é disciplinar, fiscalizar e defender o exercício da profissão de Serviço Social; zelar pelo livre exercício, dignidade e autonomia da profissão; organizar e manter o registro profissional dos Assistentes Sociais e das pessoas jurídicas que prestam serviços de consultoria; e zelar pelo cumprimento e observância do Código de Ética Profissional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário